quarta-feira, 6 de abril de 2011

Simplicidade

Nos textos postados nos dois últimos dias, algumas características se destacavam, mas a que desejo comentar hoje é a simplicidade.

Ela é a ordem sob a qual a vida é regida, é o motivo das estrelas brilharem e nos encantar a cada noite, desde o início do mundo. Os mágicos de circo nos deixam perplexos por fazerem aparecer e desaparecer coisas e manter uma aparente simplicidade em seus movimentos.

Dançarinos profissionais levam anos treinando e se aperfeiçoando para, em um campeonato de alto nível, parecerem plumas ao vento, leves, suaves, simples e perfeitos, fazem parecer tudo muito simples, quando, na realidade, não é.

Os maiores professores que já conheci faziam parecer tudo muito simples, leve e natural, como os dançarinos que foram citados acima, sempre com muita propriedade e conhecimento de causa.

E você, usa a simplicidade no seu cotidiano? Se sim, como? Se não, por qual razão?

Nenhum comentário: